Séries de tv que inspiram viagens

Amigos, o post de hoje é especial. Se você for como eu, que adora ver séries e se inspirar por elas, você está no lugar certo.

Na última sexta (05), minha série favorita do mundo inteiro completou 13 anos que foi ao ar pela primeira vez. The OC me inspirou de inúmeras maneiras, mas talvez a parte mais importante disso tudo é que foi por essa série que eu me apaixonei pela Califórnia e fiz de tudo para visitar esse estado maravilhoso e viver meu #calidream. Então, hoje reuni várias séries que nos inspiram a conhecer seus lugares de gravação.

1 – The OC

Começo por essa porque não tem jeito. Essa série mostra inúmeras cenas gravadas tanto em Santa Barbara, Santa Monica, Redondo Beach, Marina del Rey, Long Beach e principalmente em Orange County. A principal casa usada nas gravações, a casa dos Cohen, existe e pessoas comuns moram lá. Imagina tirar foto na frente e se sentir um Cohen? Que sonho! Mas o que mais simboliza a série pra mim são as imagens feitas nos postos de salva-vidas na praia, onde Marissa costumava ir para pensar na vida. Além disso, Ryan e Marissa (os personagens principais) vão para a Berkeley University. Quando estive em San Francisco, fiz questão de conhecer o campus. Fabuloso!
LifeguardTowerSunset

Fonte: http://www.seeing-stars.com/OC/LifeguardTower.shtml

Hermosa_beach_summer_day

FOTO: HERMOSA BEACH – fonte: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/e/ec/Hermosa_beach_summer_day.jpg

 

2 – Sense8

Série original do Netflix e que é impossível não se apaixonar. As gravações ocorrem em vários lugares do mundo, 9 para ser mais precisa, como Chicago, San Francisco, Londres, Berlim, Seul, Reykjavík, Cidade do México, Nairobi e Mumbai. Para a segunda temporada, pode-se esperar muitas cenas gravadas em São Paulo.

Para San Francisco, é possível visitar inúmeros locais que foram set de gravação: Golden Gate Park, Dolores Park, Bairro Castro entre muitos outros pontos. Quando estive em SF, pude conhecer o Golden Gate Park, e por lá gravaram algumas cenas de Nomi e Amanita. A maioria das cenas da cidade são das duas.

Fotos: Arquivo pessoal.

Cena gravada no Golden Gate Park – Fonte: Tumblr

3 – Lost

Lost (também está entre as minhas preferidas) teve várias locações, a considerar que os perdidos na ilha eram de vários países. Porém, a série foi gravada no Havaí, e as cenas externas alternam entre Los Angeles e Sydney. O mais curioso é que várias cenas que aparentam ser em outros países, foram todas adaptadas para serem gravadas em Oahu mesmo.

A maioria das locações estão em Oahu, no Havaí, tanto as cenas de praias, quanto cenas como Hurley jogando golfe, ou Desmond, Penelope e Jack no estádio.

Fonte: Mochila Brasil

Você pode saber mais clicando aqui: http://tv.globo.com/platb/lostinlost/2007/10/22/minha-jornada-no-havaichegou-a-hora-de-contar-com-mais-calma-tudo-o-que-rolou-durante-meu-walkabout-no-havai-foram-sete-dias-na-paradisiaca-ilha-de-oahu-onde-lost-e-filmada-estava-de-ferias-m-2/

4 – Orange is the new black

A série, também do Netflix, se passa em Nova Iorque, e muitas pessoas estão montando roteiros baseados nos sets de filmagem. Encontrei até um link onde uma menina conta com detalhes os sets e os endereços. Se você estiver por NY ou pretende ir pra lá e é fã da série, vale incluir esses locais no seu roteiro. Veja mais: http://starving.com.br/2014/ny-os-sets-de-orange-black/

Clicando aqui você também fica sabendo sobre vários outros sets que podem ser visitados de inúmeras séries. Prepare a mala e vá conferir!

Continue Reading

Dicas para planejar sua viagem sem stress

Sempre que planejo minhas viagens, eu costumo pensar sobre tudo com meses de antecedência. Com exceção da viagem para a Europa, que eu planejei em Fevereiro e viajei em Maio, mas eu já tinha experiência em vários pontos, portanto não ficou uma viagem corrida nem com grandes problemas. Nenhum, na verdade.

Abaixo cito algumas coisas que faço quando tenho planos de viajar para algum lugar, principalmente para o exterior:

  • Compro dólar/euro 1x por mês: defino um valor que cabe dentro do meu orçamento e compro moeda estrangeira despretensiosamente. Faço isso para aproveitar o câmbio do dia e ter moeda em espécie para quando for viajar. Ajuda a economizar.
  • Uso aplicativos que me mostram os melhores valores de passagem aérea: Momondo e Kayak. Penso em datas e como posso flexibilizar para poder pesquisar valores mais em conta. Considero que o valor das passagens caem em dias específicos: meio de semana, segunda feira e domingo.
  • Para a hospedagem, acredito que é a parte que mais fico receosa e pesquiso com mais detalhe. Agora com o Airbnb é mais tranquilo, mas sempre considero alguns pontos: localização e entornos, principalmente pensando no período da noite; classificação e comentários sobre o local, valores e higiene.
  • Se é um lugar que eu nunca fui, pesquiso bastante sobre o local e anoto tudo que tenho vontade de conhecer. Olho no mapa a localização dos lugares e faço um roteiro em que posso ver as coisas próximas umas das outras.
  • Pesquiso também como funciona o transporte e como posso tornar isso um ponto mais barato da viagem. Às vezes comprar um passe mensal, mesmo que você fique pouco tempo, compensa mais, pois terá mais liberdade de usar o transporte.
  • Se você tiver um plano de internet móvel internacional, isso te ajuda bastante. Você pode consultar endereços, caminhos e ver mapas para chegar mais rápido onde você quer ir. Você pode inclusive criar um mapa customizado pelo Google Maps, marcando apenas os lugares que quer ir! Para saber como, clique aqui.
  • Sempre levo uma bolsinha pequena que posso usar enquanto ando pela cidade. Nela levo apenas o essencial: algum dinheiro, uma cópia do meu passaporte, mapa, celular e uns trocados (em alguns lugares só aceita moedas para comprar passes de metrô, por exemplo).
  • Na semana anterior da viagem, já deixo as malas abertas em um canto do quarto e tudo que eu for lembrando, vou colocando lá dentro para não esquecer de levar. Para ajudar, faço listas também. Lista de presentes, de coisas a levar, coisas a trazer, lugares a conhecer.

Vejo todos esses pontos com antecedência, marco a viagem, compro a passagem e espero ansiosamente o dia chegar! Um detalhe importante: não se prenda ao seu roteiro. Surpresas boas acontecem no caminho que tornam a viagem mais aproveitável!  É fundamental ver tudo com antecedência, mas é bom deixar espaços para as surpresas que o local pode te proporcionar!

Se você tiver alguma dúvida em planejamento ou criação de roteiro de viagem, consulte-nos na página Viaje Agora!

pinterest2

fonte: pinterest

Continue Reading