Um pouco sobre Brighton e Hove

Hey guys! Hoje vim falar um pouquinho da cidade de Brighton, uma praia que fica na região sudeste da Inglaterra e é a mais pertinho e acessível para quem está morando em Londres.

Como boa Brasileira, assim que senti a temperatura esquentar fiquei morta de vontade de pegar uma praia. Apesar de saber que praias aqui são totalmente diferentes das praias do Brasil, só de estar perto do mar já vale a visita. Brighton é a parte mais importante da cidade de Brighton and Hove e além da praia oferece muitas opções de entretenimento e e inúmeras lojas para quem gosta de fazer compras.

Por ser tão perto de Londres e ter muitos habitantes que trabalham na capital, existem linhas de trem fazendo o trajeto Londres-Brighton durante o dia todo. O trajeto leva em torno de uma hora e se você não estiver viajando no horário de pico, uma passagem de ida e volta sai apenas 15 libras.

A cidade é encantadora! Cheia de colinas e com as casas características da Inglaterra, daria para passar horas passeando para cima e para baixo, mas como tinha pouco tempo na cidade fui direto a beira-mar visitar o Brighton Pier e a praia. O dia estava muito ensolarado e quente (28°C, que para quem vive aqui sabe que não é muito comum) e a praia estava lotada.

Fotos: Arquivo Pessoal.

O mais conhecido ponto turístico da cidade, Brighton Pier, permite que você avance alguns metros dentro do mar para bater incríveis fotos da cidade e possui um parque de diversões com o famoso Helter Skelter que fica bem na pontinha do Pier dando a impressão de que você vai cair dentro do mar. É uma ótima opção para levar as crianças e apreciar a vista e a brisa marítima. O lugar está cheinho de gaivotas e quando o vento está propicio dá para ver as gaivotas brincando de planar. Achei o máximo, parecia que elas estavam se divertindo muito!

Por toda a orla marítima você pode alugar cadeiras, almoçar em um dos muitos restaurantes por ali (a maioria deles vendendo o tradicional fish and chips) e relaxar de frente para o mar, mas precisa ficar atento para levar o calçado correto porque a faixa de ‘areia’ é constituída completamente por pedras. Muitas pessoas entram no mar de calçado porque é difícil ficar em pé para tomar banho: Os pés sofrem! Fiquei por alguns minuto com o pé na água por que estava extremamente agrádavel, mas não consegui ficar muito mais que isso e sentei para apreciar a vista. Vi uma menina construir um ‘castelo de areia’ de pedras e pensei em quão sortudas são as crianças brasileiras que podem fazer um de verdade! Apesar disso (e da temperatura da água, que não esquenta muito) as pessoas aproveitam bastante o mar nos dias quentes de verão. E o barulho do mar fica muito mais alto por causa das pedras que se mexem com cada movimento das ondas, deixando toda a experiência (se você ignorar o desconforto de sentar ou deitar nas pedras) inteiramente mais relaxante.

Fotos: Arquivo Pessoal.

Depois de passear pela praia, fui conhecer o Royal Pavillion que ficava a uns 10 minutos do pier. Também conhecida como Brighton Pavillion, a construção é uma antiga residência real no estilo indo-sarraceno e é aberta ao público com taxas de admissão em torno de 8 libras. Os jardins em volta do Pavillion e do museu que ficam na mesma área são grátis e as pessoas geralmente vão almoçar ou fazer piquenique por ali, que é outra característica bem marcante dos ingleses: Eles adoram parques! O lugar é lindo e parece que você foi transportado para a Índia. Passei o resto do dia passeando pelo Royal Pavillion e pelas ruas do centro que tem várias lojinhas legais para conferir.

Fotos: Arquivo Pessoal.

É um passeio perfeito para se fazer em um dia, porque a cidade é bem tranquila e os pontos turísticos bem próximos uns dos outros. Para quem gosta de conhecer mais da cidade e da história dela, sempre tem a opção de fazer um walking tour e bus tour, todos os dois oferecem um pouco da história local cobrindo todos os pontos turísticos da cidade por um preço acessível. Se você estiver em Londres com tempo sobrando e gostaria de visitar uma cidade aqui perto, Brighton é uma opção ideal!

Posts Relacionados

Leia também